CBN Curitiba encerra operação em 90.1 FM no final de outubro. Rede jornalística irá para 95.1 FM

TUDO RÁDIO

Segunda-Feira, 18 de outubro de 2021 @ 17:16


Curitiba - Segundo o jornalista Reinaldo Bessa, não houve acordo para manutenção da afiliação através do Grupo JMalucelli, responsável pela 90.1 FM


Atualizado às 18h10 - A CBN FM 90.1 de Curitiba, emissora que foi uma das primeiras afiliadas da Rede CBN, vai encerrar as suas operações. O último dia da afiliação será 31 de outubro e, após essa data, a estação deverá assumir um outro projeto, ainda sem definição. Segundo o que veiculou Reinaldo Bessa, o empresário Joel Malucelli (responsável pela FM) confirmou que não houve acordo para a sequência dos trabalhos da CBN em 90.1 FM, no ar desde 1995. Também segundo o jornalista, o atual afiliado da CBN em Londrina será o novo parceiro da rede jornalística na capital parananese, através da atual Light FM 95.1. Acompanhe:


O Grupo JMalucelli, responsável pela CBN nos últimos anos, mas não sendo o afiliado que implantou a rádio em 1995, também opera a BandNews FM 96.3 em Curitiba. Segundo o jornalista Reinaldo Bessa, havia um incômodo sobre essa situação por parte da direção da rede jornalística do Sistema Globo de Rádio, sendo um dos motivos para não ser possível a continuidade dos trabalhos da CBN em 90.1 FM.


Também segundo informações extraoficiais, parte da equipe da CBN Curitiba foi desligada nesta segunda-feira (18), mas ainda era possível perceber a presença de jornalistas atuando pela emissora curitibana na grade da tarde.


Segundo Bessa, o novo afiliado da CBN em Curitiba será o mesmo afiliado da CBN FM 100.9 de Londrina, operada pelo empresário Amarildo Lopes (afiliado à rede jornalística há 27 anos). Ainda de acordo com o que publicou o jornalista, a estação seria a atual Light FM 95.1.


Em contato com a Transamérica, a direção da rede informou ao tudoradio.com que a marca seguirá em Curitiba através dos trabalhos executados pela atual Transamérica FM 100.3 (formato jovem/adulto-contemporâneo), com foco nesta estação. Já a 95.1 FM deverá passar para a operação do grupo controlado pelo empresário Amarildo Lopes, a partir de 1º de novembro, porém a expectativa é de que o início da operação da CBN ocorra em dezembro.


 


A CBN Curitiba



 


Fachada da CBN Curitiba / reprodução site da CBN


No ar desde 1995, a CBN de Curitiba substituiu a Estação Primeira FM, projeto de rádio local que era voltado ao gênero musical rock. Paralela a sua estréia no FM a CBN passou a transmitir sua grade via canal de áudio na NET (TV por assinatura), também em 1995. Foi a primeira estação de jornalismo a operar em FM no Paraná, sendo fundada localmente pela empresa Inepar em parceria no formato de afiliação com o Sistema Globo de Rádio. Já nos primeiros anos a CBN alcançou uma posição de destaque na corrida pela audiência qualificada/segmentada e também no mercado publicitário local. A transmissão em AM persistiu até 1999, quando a 550 AM iniciou a sua trajetória como Rádio Banda B.
 
Em 2004 o grupo J.Malucelli adquiriu o controle da CBN, promovendo uma nova fase que juntou a operação da 90.1 FM com a Rádio Globo AM 670, no ar entre setembro de 2003 e 2016. Nessa época ocorreram novos investimentos na emissora, além da manutenção do amplo alcance de sinal da CBN em 90.1 FM (classe E3 de operação e conta com abrangência em diversas regiões do Paraná e chegando até no norte de Santa Catarina e sul de São Paulo). 


Em 2020 a emissora contou com uma série de novidades para comemorar 25 anos em Curitiba, como a reformulação de sua presença em plataformas digitais e investimentos em sua atuação no dial. E, em 2021, chegou a integrar uma inédita rede estadual para uma cobertura jornalística, através do CBN Paraná.


Além da 90.1 FM, o Grupo JMalucelli também controla as emissoras BandNews FM 96.3, Rádio Cidade AM 670 e Rádio Cidade FM 97.3 de Paranaguá.


Daniel Starck


 


 

Voltar