Reino Unido agora tem reporte de audiência de TV incluindo dados de plataformas online

Telaviva - Audiência

30/11/2021, 23:36


POR FERNANDO LAUTERJUNG
fernando@telaviva.com.br


O Broadcasters Audience Research Board – o BARB, entidade detentora do currency de medição de audiência de televisão do Reino Unido – anunciou uma atualização no reporte de audiência de TV, com a inclusão dos dados de streaming e vídeo sob demanda (SVOD) e de plataformas de compartilhamento de vídeo.


O BARB agora é capaz de medir o alcance e o tempo total gasto consumindo serviços de SVOD, como Amazon Prime Video, Disney+ e Netflix, e de plataformas de compartilhamento de vídeo como TikTok, Twitch e YouTube, independentemente de esses serviços terem optado por se associar ao BARB, por meio da coleta dos dados dos aparelhos medidores (routermeters) instalados nas residências do painel da entidade.


Além disso, o BARB agora também pode reportar as audiências de programas transmitidos via streaming em aparelhos de TV do painel, sejam eles assinantes BARB ou não, usando a aferição de streaming da Kantar – serão divulgadas as audiências de Amazon Prime Video, Disney+ e Netflix.


Numa prévia exclusiva do tipo de novos dados que agora estão disponíveis, o BARB revela os programas mais assistidos em todas as emissoras e serviços de streaming em outubro de 2021. "Round 6", da Netflix, ficou em décimo lugar com 5,774 milhões de espectadores, numa lista onde figuram no top três "Strictly Come Dancing" da BBC 1 (10,435 milhões), "The Great British Bake Off" do Channel 4 (8,889 milhões) e "The Larkins" da ITV (6,580 milhões), respectivamente.


Mais três programas da Netflix e um título da Disney+, "Black Widow", estão entre os 100 programas mais assistidos em outubro. O programa mais bem classificado do Amazon Prime Video não entrou entre os 100 primeiros neste mês.


O CEO do BARB, Justin Sampson, diz, por meio de nota: "Entender as pessoas está no cerne da missão do BARB e está claro há algum tempo que os serviços de streaming começaram a atrair espectadores que tradicionalmente dependiam apenas de canais lineares para se entreter". 


Como resultado dessa nova forma de reporte da audiência, o BARB atualizou sua definição de "visualização total de audiência de TV" para visualização total identificada, que consiste em três partes:


* Visualização da emissora (Total Broadcaster Viewing) – tempo gasto assistindo a canais de transmissão linear e serviços BVOD, incluindo transmissão ao vivo, pré e pós transmissão de eventos e programas arquivados em box sets de TV com serviços sob demanda. O consumo é reportado em quatro telas (TVs, tablets, PCs e smartphones). Para transmissões tageadas, isso inclui qualquer visualização transmitida por algo que não seja a rede Wi-Fi doméstica.


* Visualização de SVOD / AVOD (Total SVOD/AVOD Viewing) – tempo gasto consumindo 16 serviços VOD, incluindo Amazon Prime Video, Disney + e Netflix, em quatro telas. Isso inclui apenas o consumo por meio de uma rede WiFi doméstica.


* Visualização de compartilhamento de vídeo (Total Video-Sharing Viewing) – tempo gasto vendo plataformas como TikTok, Twitch e o YouTube, em quatro telas, por meio de uma rede Wi-Fi doméstica.


 


Em outubro de 2021, o total de visualizações identificadas por todos com mais de 4 anos foi de 231 minutos por dia, nos quais 156 minutos (ou 68%) foram consumindo conteúdo de emissoras, 35 minutos foram conteúdos de SVOD/AVOD e 40 minutos de visualização em plataformas de compartilhamento de vídeo.

Voltar