Pesquisa mostra que streaming de rádio está entre os mais populares

Tudo Rádio-Notícias do Rádio

Sábado, 18 de Março de 2017 @ 10:14


São Paulo – Na pesquisa relativa ao período de 30 dias, o rádio ocupa 3 das 9 primeiras posições


A pesquisa Infinite Dial 2017 mostra que o rádio está presente dentre as marcas mais conhecidas de streaming de áudio no mercado americano. O Pandora, serviço de streaming de música, é o mais popular, mas o iHeartRadio, que reúne as rádios da iHeartMedia, vem em segundo. 


Além disso, figuram também na lista dos mais populares o NPROne (NPR), o Radio.com (CBS Radio) e o TuneIn (agregador de rádios). Mas a surpresa fica por conta do NextRadio, o app de rádio híbrido. Dentre os pesquisados, 16% disseram que conheciam a marca. Sinal que os esforços de divulgação estão dando resultados.


Os grandes serviços de música como Pandora, Spotify, Apple Music, Amazon Music e Google Play All Access são as marcas mais populares. Os serviços de rádio, em sua maioria, ocupam as posições intermediárias. 


Nas últimas posições, vêm serviços de nicho como o streaming de alta qualidade do Tidal e o Stitcher, distribuidor de podcasts. A pesquisa mostra ainda o ranking do alcance em 30 dias. O rádio ocupa 3 das 9 primeiras posições.


 “Agregadores” no Brasil


O Brasil também possuí aplicações que atuam como “agregadores de rádios” para desktops e celulares, sistemas que ampliam a presença do meio rádio em outras plataformas. Além do Mobilize-se da ABERT (que agora está sendo chamado de MobiAbert), conhecido por também desenvolver aplicativos próprios para as emissoras de rádios, o tudoradio.com também conta com duas plataformas que ampliam o alcance das rádios AM e FM: um deles é o aplicativo iOS tudoradio.com, desenvolvido no final de 2016 e que simula a sintonia de rádios AM em FM, mas utilizando a conexão via internet. 


O outro, aprimorado neste início de 2017, é o “webapp tudoradio.com”, que consiste no player do portal apto para Android, desktop e SmarTVs.


Com informações do Edison Research, Triton Digital e ZYDigital


 


Carlos Massaro

Voltar