A AESP

Defender os interesses da radiodifusão no Estado de São Paulo, incentivar novos mercados, otimizar a eficiência e garantir a credibilidade do setor. Com este objetivo foi criada, em 25 de setembro de 1935, a então Federação das Sociedades de Rádio, que em 1948 passou a ser denominada Associação das Emissoras de São Paulo. Já em 1986 ampliou sua atuação e passou a se chamar Associação das Emissoras Rádio e Televisão do Estado de São Paulo (AESP).

Desde sua fundação, a entidade vem desenvolvendo um papel fundamental e de conquistas junto ao poder público com reformas e medidas legislativas e regulamentares para garantir e fortalecer aos interesses da categoria.

A AESP promove o intercâmbio com entidades representativas, incentiva e defende a liberdade de informação, da expressão do pensamento e da propaganda comercial. Para manter seus associados e interessados informados e em constante aperfeiçoamento sobre as novidades no setor, promove e realiza palestras, conferências, congressos e cursos.

A AESP mantém e desenvolve também constantes intercâmbios, entendimentos e acordos com as demais associações de emissoras no país, o poder público e entidades culturais, científicas, artísticas e jornalísticas. Sua atuação vai além, ao assessorar e dar apoio ao radiodifusor paulista.